Lançamentos de Julho

Confiram os lançamentos desse mês que mais chamou a atenção aqui do colunista:

Brasyl - Ian McDonald


Três personagens. Três histórias. Três brasis. Ligados através do tempo, do espaço e da realidade.
Marcelina é uma produtora de TV que sai pelas ruas do Rio em busca do sucesso que lhe trará a fama. Quando uma ideia para um programa a faz rastrear o mais infame goleiro do futebol brasileiro, ela se envolve em uma antiga conspiração que ameaça não só a sua vida, mas também a sua alma.

Edson é um empresário de celebridades tentando sair das favelas de São Paulo em um futuro não muito distante. Um encontro inesperado o faz cair no mundo perigoso da computação quântica. Agora, sem ter para onde fugir em um Brasil em que cada rosto e centavo são rastreados, ele precisa salvar a própria pele.

Padre Luis Quinn é um missionário jesuíta que vasculha as profundezas da Floresta Amazônica do século XVIII em busca de um padre renegado que tenta estabelecer um império. Mas o que ele encontra ali põe em xeque a sua fé e a própria realidade.


Joyland - Stephen King


m pequeno conselho: não se aventure na roda-gigante em uma noite chuvosa.

Carolina do Norte, 1973. O universitário Devin Jones começa um trabalho temporário no parque Joyland, esperando esquecer a namorada que partiu seu coração. Mas é outra garota que acaba mudando seu mundo para sempre: a vítima de um serial killer.

Linda Grey foi morta no parque há anos, e diz a lenda que seu espírito ainda assombra o trem fantasma. Não demora para que Devin embarque em sua própria investigação, tentando juntar as pontas soltas do caso. O assassino ainda está à solta, mas o espírito de Linda precisa ser libertado — e para isso Dev conta com a ajuda de Mike, um menino com um dom especial e uma doença séria. 

O destino de uma criança e a realidade sombria da vida vêm à tona neste eletrizante mistério sobre amar e perder, sobre crescer e envelhecer — e sobre aqueles que sequer tiveram a chance de passar por essas experiências porque a morte lhes chegou cedo demais.


Kingmaker: Uma Jornada no Inverno - Toby Clements


Primeiro de uma série épica assinada pelo britânico Toby Clements, Uma jornada no inverno é um hino à coragem e à resistência humanas urdido com rigor e paixão. Ambientado durante a sangrenta Guerra das Rosas, o livro mescla uma precisa reconstrução histórica com o ritmo ágil dos melhores romances, ao acompanhar os desdobramentos da brutal disputa de poder entre duas famílias pela perspectiva de pessoas comuns, homens e mulheres tentando sobreviver numa Inglaterra dominada pelo medo e pela violência. Um romance histórico vívido e brilhante, perfeito para fãs de clássicos como Os pilares da Terra, de relatos históricos e de séries como Game of Thrones. 


O Último Segredo - José Rodrigues dos Santos


Uma paleógrafa é brutalmente assassinada na Biblioteca Vaticana enquanto consultava um dos mais antigos manuscritos da Bíblia: o Codex Vaticanus. Então, a polícia italiana convoca o célebre historiador e criptoanalista português, Tomás Noronha, e lhe mostra uma estranha mensagem deixada pelo assassino ao lado do cadáver.

 Valentina Ferro, a inspetora encarregada do caso, o convence a ajudá-la na investigação. Mas uma série de homicídios semelhantes em diversos lugares do mundo leva os investigadores a suspeitarem de que as vítimas estariam envolvidas em algo muito maior.


 Para solucionar os crimes, Tomás e Valentina precisam desvendar enigmas da Bíblia que os conduzirão à Terra Santa e os colocarão diante do maior segredo do Novo Testamento: a verdadeira identidade de Cristo. 


Peter Pan tem que morrer - John Verdon


Peter Pan tem que morrer traz de volta o detetive Dave Gurney, protagonista de Eu sei o que você está pensando, Feche bem os olhos e Não brinque com fogo. “Uma sofisticada trama de suspense que os aficionados por mistério adorarão tentar resolver. Com um enredo tenso, cheio de intrigas inimagináveis, Peter Pan tem que morrer desafia a inteligência do leitor até sua dramática e espantosa conclusão.” – Library Journal No mais tortuoso romance policial escrito por John Verdon, o especialista em mistérios David Gurney dedica sua mente brilhante à análise de um assassinato terrível que não pode ter sido cometido da forma como os investigadores responsáveis pelo caso afirmam que foi. Detetive aposentado do Departamento de Polícia de Nova York, ele precisa cumprir uma espinhosa tarefa: determinar a culpa ou a inocência de uma mulher condenada pela morte do próprio marido. Ao descascar as diversas camadas do caso, Dave logo se vê travando uma perigosa guerra de inteligência contra um investigador corrupto, um cordial e desconcertante chefe da máfia, uma jovem linda e sedutora e um assassino bizarro que tem a altura e os traços de uma criança – aparência que lhe rendeu o apelido de Peter Pan. A uma velocidade assombrosa, reviravoltas assustadoras começam a ocorrer e Dave é sugado com força cada vez maior para dentro de um dos casos mais sombrios de sua carreira.

Comentários